30 março, 2015

Desabafo! Absurdo!

Venho desabafar um episódio péssimo que presenciei ontem no curso de noivos da Nossa Senhora Mãe da Igreja, lugar onde me caso em SP.
Eu e o Renato chegamos lá por volta das 8 da manhã e começamos o bate papo com um casal super legal, Arthur e Eliana. Eles já tem mais idade e achei incrível a forma como falaram de religião de uma maneira mais aberta e tranquila.
Depois deste casal, tivemos o imenso desprazer de ouvir uma pessoa chamada Dra. Carla. Ela disse que era obstetra e iria falar conosco sobre sexualidade e amor. Veja bem.
Dra Carla abre seu discurso já dizendo que mulher com mais de 35 anos não vai conseguir engravidar fácil, terá que fazer tratamento e depois não poderá reclamar se o filho nascer DEFEITUOSO (me desculpem escrever este absurdo mas foi isso mesmo que ela disse). Também completou que mulheres que ingerem álcool na gravidez podem prejudicar seus filhos (até aí, eu concordo) mas que se o filho nascer com defeito por causa disso, poderá trabalhar em Brasília ou ser Presidente da República.Dra Carla deve ter achado que estava mandando super bem e CONTINUOU. Sim, ela continuou.

Disse que as mulheres estavam tomando muito anticoncepcional, logo, urinavam muito hormônio feminino. Resultado? Com a falta de trato no esgoto de SP, as nossas águas tem componentes deste hormônio e por isso os homens estão cada vez mais São Paulinos. (Igreja galera, eu estava ouvindo uma médica numa Igreja). Continuando, Dra Carla falava com bastante agressividade sobre assuntos ligados a mulheres que não amamentam dizendo que seus filhos terão problemas sérios de saúde. Ah, não posso me esquecer de mais uma pérola. Mais uma? Sim! Dra Carla estava inspirada!

Quando perguntada sobre: por que temos mais cesáreas do que parto normal, ela respondeu: simples, são um bando de PREGUIÇOSAS.
Algumas cabeças do grupo fizeram aquele sim e eu e o Renato tivemos que nos manifestar.
Nossas irmãs tiveram parto cesárea, não são preguiçosas e nem menos mães por isso. Dra Carla disse que para tudo tem jeito e que cesárea é feita por mulheres preocupadas em fazer escova nos seus cabelos e organizar as lembrancinhas da maternidade.
Adoraria que minha irmã contasse para a Dra Carla o que teve de lembrancinha na maternidade e como estava o seu cabelo no dia que ele nasceu. HA HA HA, ah, e que o Jack não nasceu de parto normal.
Continuando, ela também se referiu as pessoas que estão acima do peso como: um bando de sem vergonha que come porcaria e depois vem chorar que tá gordo.

Voltou ao assunto da gravidez falando que a idade para se ter filhos é dos 20 aos 27, depois disso os óvulos estão velhos. Palavras dela.
Ela também ADOROU falar que é uma médica “super brava” e que uma vez uma paciente dela chegou no consultório grávida de 39 semanas chorando. O motivo era porque a sua funcionária tinha queimado 3 roupinhas do bebê. Doutora Carla disse a paciente que ela parasse de chorar por uma bobeira e que se ela não parasse, seria um sinal de que ela não estaria pronta para ser mãe. E riu.
HAHAHA que hilário, obrigada por dividir mais essa com a gente.

Após 40 minutos de tortura e nenhuma interrupção, além da minha (quase chorando de raiva) e do Renato, nós nos retiramos da sala.

Falamos depois com o Arthur (o senhor que citei no começo) e dissemos que está mulher nos ofendeu com palavras extremamente preconceituosas e que isso era digno de um processo.
Arthur pediu desculpas e nos contou que no curso passado uma mulher de 38 anos que estava noiva, se ofendeu profundamente com as agressões desta mulher.
Minha pergunta para o Arthur. O que esta pessoa ainda está fazendo aqui?
Silêncio.
Liguei hoje na Igreja para pedir o sobrenome desta médica e não nos foi dado, ninguém quer passar. Por que será?
Fiquei extremamente decepcionada em ouvir uma mulher falar tantos absurdos das mulheres. É lamentável que uma médica com pensamentos negros, possa atender mulheres grávidas ou que querem engravidar e ainda seja chamada para falar num curso de noivos numa Igreja.
Temos um papa bem mais aberto e com uma cabeça tão mais pra frente e eu ainda tenho que ouvir asneira de uma mulher que nada de positivo fala? Como é permitido que um ser humano abra a boca pra dizer isso?
NOTA 0.

 

Grite no Facebook!

Posts Relacionados